Taiadablog: O prefeito Rinco escolheu a Secretária de Cultura !!!

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

O prefeito Rinco escolheu a Secretária de Cultura !!!


Para a Secretaria de Cultura, o prefeito Henrique Rinco escolheu a jovem senhora Silmara Guedes Ferreira Diniz, caçapavense, 48 anos, casada, 2 filhos, com formação superior na área de Biologia.

Pessoa de muito bom trânsito na cidade, a Secretária Silmara é filha de uma das mais tradicionais famílias da sociedade taiada, que gerou, inclusive, alguns nomes públicos de nossa história, que são o ex-Secretário de Defesa e Mobilidade Urbana Fernando Cid Diniz Borges, o empresário e ator Selmo Ferreira Diniz,  seu pai, que atuou no filme Tristeza do Jeca, de Mazzaropi, um dos mais expressivos políticos da história de Caçapava, como Vice-Prefeito e vereador em várias legislaturas, além de sua mãe, Dona Luzia Guedes Ferreira Diniz que foi escritora e presidente da APAE Caçapava, personalidade atuante na sociedade taiada!

A Secretária Silmara também atuou como professora na rede estadual, até assumir parte dos negócios da família, de onde acompanha, com vivo interesse, a evolução dos aspectos culturais de nossa cidade!

À Secretária Silmara, os nossos votos de sucesso, frente ao novo desafio, podendo contar com o Taiadablog sempre que assim o desejar!

34 comentários:

Brasilino Neto disse...

Causa-me alegria a indicação da Professora Silmara Diniz para a Secretaria de Cultura, pois jovem, dinâmica, culta e interessada por Caçapava, eis que, como dito na postagem, aqui nasceu e tem suas atividades pessoais e profissionais. Como membro da ACL tenho a melhor expectativa de que continue a ser parceira nos projetos da Academia Caçapavense de Letras, que é tão bem conduzida pela Professora Lourdes Mesquita de Siqueira. Vale ainda lembrar que Silmara tem próximo de si Luzia Guedes Diniz, sua mãe, também escritora. Parabéns e sucessos.

Anônimo disse...

Governante e time de futebol encaram os mesmos altos e baixos: hoje são aplaudidos, amanhã serão vaiados.
Tô apostando que o Rinco será vaiado por muitos que hoje o aplaudem.

Ana Maria disse...

Bom tudo de bom mesmo...Prefeito,Cultura,Educação,Mobilidade Urbana,Saúde,Administração e o outros mais...Agora Caçapava Vai e Vai pra Frente...Os Anônimos que deveriam dar a cara á tapa e mostrar quem é...Qual é o MEDO?

Taiada de Verdade disse...

Pela primeira vez Caçapava vai ter cultura. Nesses últimos oito anos a cidade não viu nada acontecer. Nada. Nem o secretário era da cidade. Nenhum evento, nenhum projeto. O secretário não fez nada. Até que enfim a cultura vai acontecer em nossa cidade. Parabéns, Rinco pela decisão inteligente. Essa sim, é culta e preparada.

Ricardo disse...

Não gostei da nomeação dessa senhora, pois eu desconheço qualquer outra atividade, que não envolva a ACL, em relação a cultura.
Acredito que o prefeito não soube escolher o representante certo dessa secretaria porque eu conheço vários profissionais que trabalharam a vida toda com diferenres areas da cultura e produção cultural, sem dizer dos que ja trabalharam na secretaria de cultura do estado de São Paulo, e inclusive moram em Caçapava que são mais gabaritados e experientes do que a cidadã em questão.
Mas como a cultura e os profissionais do setor cultural no Brasil e principalmente em Caçapava não são levados a sério, então coloca qualquer um para ocupar a pasta.

marcelão disse...

deve ser algum anônimo do governo passado , mas muita gente que acha que vai ficar no anonimato ,cedo ou tarde vai começar a ser manchete , é só começar a aparecer as maracutaias que o Rinco vai apurar ,... e olha que tem bastante coisa hein .... quem viver verá !

Taiada de Verdade disse...

Como pode esse Banzo, falar que prefere o Fabrício ? Esse senhor não fez nada. Não conhece ninguém na cultura. Nem fala direito. Passou em branco nos oito anos. Brincadeira de mau gosto. Agora sim com a Professora Silmara nós vamos ter cultura. Mulher culta, preparada, vai trazer muita gente boa para a cidade, diferente do ex-secretário

Patrick disse...

Isso mesmo Marcellão, o Rinco é o cara. Só está trazendo os melhores. Parabéns, pelas dicas que você está dando para o nosso prefeito. Agora nosso Museu vai sair.

Miriaklos disse...

Está equivocado quem diz que a Secretaria de Cultura passou em brancas nuvens com o Fabrício. Basta lembrar que ele trouxe em Caçapava para brilhantes palestras o mestre Ariano Suassuna, João Ubaldo, Carlos Nejar, Miguel Reali, Cícero Sandroni, dentre outras e quem quis participar participou. Dê-se destaque à homenagem que prestou ao saudoso Professor Raif Mafuz.

Banzo - legítimo - disse...

Este "Banzo" aí de cima, está plagiando meu nome. Verifique JC.

Brasilino Neto disse...

Como acadêmico aproveito a referência do leitor “Ricardo” quanto a ACL – Academia Caçapavense de Letras e a informação da escolha da Secretária de Educação, a Professora Silmara Diniz, para trazer relato de suas atividades, especialmente de 2012. A ACL manteve o projeto “O Autor vai à Escola”, que consiste na visita de acadêmicos a uma escola, e no encontro com alunos explanam o que é a Academia e apresentam seus trabalhos, incentivando-os à leitura e escrita. Realizou neste ano o Primeiro Encontro de Trovadores do Estado de São Paulo, que contou com a presença de 97 pessoas de cidades como Santos, Mogi Mirim e Guaçu, São Paulo, dentre outras e todas do Vale do Paraíba. Participou do Primeiro Encontro de Academias de Letras do Vale do Paraíba, em Pindamonhangaba. Em conjunto com a direção do Colégio Pereira de Mattos incentivou o projeto “Leitores hoje Escritores amanhã”, que resultou em mais de 250 trabalhos. Realizou, com professores locais, concurso tendo como tema o centenário de Machado de Assis. Promoveu como fez com a Mestra Olívia Alegri em 2011, em 2012 o “Ano Antonio Zanetti”, vom a participação de 24 escolas, cujos trabalhos, que contou com apoio da direção da Escola Municipal Daphne César Ghidella, foram apresentados durante uma semana com teatros, danças e jograis, tendo como tema os escritos de Antonio Zanetti. Participou da Semana do folclore e fez palestra sobre profissões na Escola Flair Carlos de Oliveira Armani, em Caçapava Velha e na Semana da Cultura no Colégio São Francisco de Assis. Coparticipou da homenagem ao Professor Raif Mafuz e vinda dos renomados escritores e membros da Academia Brasileira de Letras, merecendo ressaltar a do Mestre Ariano Suassuna. Dê-se destaque à palestra que promoveu na Câmara local com o Engenheiro Ozires Silva, fundador da EMBRAER. Tem como projeto para 2013 o lançamento de sua Antologia e da edição do livro sobre a Professora Olivia Alegri, escrito pelo saudoso Acadêmico Edmilson Viana Moura. A Academia Caçapavense de Letras promove suas reuniões nas últimas sextas feiras de cada mês, nas dependências do Vida a Vida, na Avenida Doutor Pereira de Mattos podendo, quem se interessar, delas participar. A ACL tem como Presidente a Professora Lourdes Mesquita de Siqueira.

ESPERA AI!!! disse...

Eu não iria comentar sobre esse assunto, mas agora eu me vejo obrigado a falar sobre minha humilde opinião.
Aonde se viu uma secretaria de cultura que não tem curriculum em diferentes areas do ramo cultural assumir um cargo como esse?
Eu conheço o trabalho dela na ACL, mas eu acredito que não vai interessar para muitos profissionais que trabalham no teatro, na musica, nas artes plasticas, na dança ou no carnaval de Caçapava terem somente uma secretaria voltada para a literatura e que conheçe só isso e não outras demais areas que envolvam a produção cultural e artistica em si.
Eu conheço muitos profissionais que vivem da cultura para sobreviver, mas que não tem reconhecimento nenhum por parte dos cidadãos e governo de Caçapava. Inclusive eu conheço um jovem cineasta, e diga-se de passagem que ao meu ver futuramente será um gênio do cinema, que mora em Caçapava, mas como profissional se vê obrigado a trabalhar em outras cidades como São Paulo e Rio de Janeiro porque a cidade e região onde ele mora não incentiva a produção audiovisual. Isso porque antigamente a região contava com uma grande produtora que era a do Mazzaropi.
Não quero criar polemica, mas deveriam escolher um verdadeiro profissional da cultura para ocupar esse cargo.

Anônimo disse...

É muito fácil vir aqui e ficar nessa puxação de sacos. Será que não dá para esperar um pouco para não se arrepender depois?

Brasilino Neto disse...

Leitor "Espera Ai", você, se mal não interpretei, afirmou conhecer o trabalho que a secretária de Cultura nomeada faz na ACL, o que deve ser um equívoco de sua parte, pois ela não integra o quadro da Academia Caçapavense de Letras, o que em nada a descredencia à indicação.

Claudia Resende disse...

Bem, vamos la.
Benvinda Silmara mulher de coragem e determinaçao, de confiança, carater e personalidade.
Quem a conhece sabe do que ela é feita e do que ela é capaz.
Estamos juntos menina!!!

Piolho de Garagem disse...

Conheço a Silmara Diniz desde quando ela morava na Rua do Porto, e conheço também seus pais. o Selminho do posto tenho uma admiração particular, pois toda vez que assisto o filme do Mazzaropi no qual ele faz parte, brinco com ele, e digo que se ele estivesse na globo o Tarcísio Meira ia dançar. Parabéns e que você tenha muito sucesso.

Anônimo disse...

Quantos humanos perfeitos existem no mundo? Gostei de todos os secretariados (as). Parece que escolheram pessoas honestas.Hoje mais do que nunca precisamos de honestidade .Todos os escolhidos estão neste pensamento.Com honestidade tudo vai para a frente.Hoje precisamos de secretários que não desviem o dinheiro público.Se o Rinco escolher Deus, coitado dele,também irá dançar na música intelectual dos blogs.

PEREIRA NETO disse...

Caro leitor Ricardo eu concordo com sua opinião. Acho que deveriam nomear uma secretária de cultura mais preparada e mais experiente para o cargo, tipo alguem que já trabalhe com cultura e conheça as leis de incentivo.
Eu não li o comentário de quem citava o Fabricio Correa, mas acho que ele como secretario fez muito pela cultura caçapavense e no proprio blog do JC Flores tem materias falando sobre seu trabalho e o proprio editor pode confirmar isso. É uma pena que ele pertenceu ao governo do Vilela mas ainda acho que ele seria o cara certo para continuar nesse cargo.

Anônimo disse...

A verdade seja dito pereira neto nunca houve em caçapava um secretario de cultura tão atuante como o fabricio correa embora eu tenha odiado o ex prefeito vilela eu acho que o fabricio foi o unico secretario de todas as administração anterior que resgatou a cultura caçapavense.
Se no brasil não houvesse tanta politicagem e interesse politico o o novo prefeito deveria deixar o fabricio continuar no cargo como secretario de cultura.

João Souza disse...

Não conheço essa Senhora,mas desejo muito sucesso nas proximas etapas da sua vida. Uma coisa é certa; terá muito trabalho pra consertar todos os DESMANDOS deixados pelo secretário anterior da pasta!

Marcelo Sant'Anna disse...

Devemos lembrar que cabe ao secretário, de quaisquer pastas em uma prefeitura, receber projetos e administrar os recursos e não somente conhecer as coisas específicas e técnicas do assunto. Vide fracasso de Gilberto Gil como Ministro da Cultura; daquele maluco no Ministério do Meio Ambiente entre outros. O que precisa ser é bom administrador e analisador de projetos e orçamentos. Além do mais, Silmara é uma pessoa maravilhosa, capaz, honesta e acima de tudo exemplar. Muito sucesso para ela e seus comandados!

Vânia Bellato disse...

Independente das preferencias partidárias ou de "desafetos" acredito que este é o momento de torcermos pelos que estão chegando, torcer para que realmente queiram trabalhar com seriedade, com transparência, ao contrário da postura dos que já foram, e se Deus quiser, pra sempre!! Este é um momento para unir forças e não torcer contra, se vai dar certo ou não - QUEM VIVER VERÁ. O que mais me intriga nestes posts é pq um cidadão(ã) Caçapavense posta qq tipo de comentário, critica ou sugestão e não se identifica. Não temos o direito de exigir dos outros aquilo que NÃO SOMOS.;D

Lei Rouanet? disse...

@Marcelo Santana, a questão não é ela ser honesta ou maravilhosa, mas sim, conforme alguns comentários apontaram, ela ser capaz de administrar uma secretaria que atenda o interesse de todos profissionais que vivem de cultura de maneira satisfatória.
Quero saber como ela vai lidar com incentivo aos projetos culturais ou se ela conhece a lei de incentivo a cultura. Então, eu concordo com alguns comentários quando acha que deveriam colocar uma pessoa experiente no cargo e não maravilhosa como voce diz.
@Miriaklos assino em baixo de seu comentárioo Fabrício foi o único secretario de cultura que Caçapava teve que realmente trabalhou em beneficio dos artistas da cidade.

Anônimo disse...

Para Lei Rouanet?

Precisa-se de um prefeito. Vc vai escolher um que já foi, ou pode entrar um que nunca foi? Fabrício não foi o único. Vc está desmerecendo todos os outros.Todos, todos, todos, todos cometeram erros e acertos , mas somente um foi o mais esperto.Resumindo:Isto aqui são mensagens de quem saiu, contra quem está entrando, e assim será para todo o sempre!!Mas, que nós sabemos quem foi o mais esperto , hahaha!!! isso nós sabemos.

Jc Flores disse...

O anônimo aí de cima, está sendo injusto: Fabrício foi único! Todos os demais juntos, embora possam até mesmo terem realizado algo em favor da cultura de Caçapava, não chegaram perto de tudo que o Fabrício realizou na Secretaria de Cultura de Caçapava.

Ricardo disse...

Boa JC Flores, o Fabricio foi o UNICO que fez muitissimo pela cultura de Caçapava.

Espelho, espelho meu disse...

Algo muito estranho está acontecendo no reino da Dinamarca. O Taiada de Verdade está dizendo que o Fabrício nem sabe falar direito ? E que a professora Silmara sim é culta, diferente do Fabrício. Gente, não sou puxa saco, mas alguém que presenciou algum discurso do secretário pode afirmar que ele não fala direito ? E os contatos que ele trouxe para Caçapava. Estou pasmo !

Banzo disse...

RECORD DE COMENTÁRIOS!!!

DANIEL disse...

Ai "Banzo" esse record de comentários demonstra que a população esta dividida e em duvida sobre a indicação para o cargo de secretario de cultura.
E eu sou mais um que sou contra a nomeação da Professora Silmara Diniz visto que priorizaram o passado historico de seus pais no ramo cultural e eu acho que deveriam colocar alguem com experiencia nisso.
O "Espera Ai" eu sei quem é esse cineasta que voce falou e faço jus a suas palavras porque eu ja li o roteiro dos filmes dele e realmente o cara é bom e tem de tudo para salvar o cinema brasileiro e ao contrario daquele mala do Jaum Godoy ele não fica se aparecendo nem sendo um "porra loka" metido a artista.

Lânguido disse...

O cultos cultuam Fabricio, os incultos cutucam o Fabricio. Inquestionavelmente o melhor Secretário de Cultura que tivemos. Pergunto se alguem daqueles que criticam foram a uma palestra promovida, a um encontro literário feito, a um sarau ocorrido: certamente não. Então fiquem quietos e, primeiramente entendam o que é cultura. Para maioria destes cultura é carnaval, o resto e ... E, até mesmo nisto o Fabricio foi bom !

Cultural disse...

Tratando-se do Fabrício é sempre assim uns amam outros odeiam. Não tem sentimento intermediário. Caçapava perdeu um grande colaborador.

Suriname disse...

A atual secretária deverá se empenhar muito para chegar a um ponto intermediário do que o Fabricio fez. Este blog é prova incontesta disto, tanto que fez postagem quanto a isto

Claudio Henrique disse...

Ariano Suassuna, Inácio de Loyola Brandão, Ferreira Gullar, Nelson Pereira dos Santos andando pelas ruas de Caçapava. Museu Roberto Lee de volta a população gerando matérias positivas na mídia nacional. São João de Caçapava, um dos cinco maiores festivais de cultura raiz do Estado. Mais de 100.000 pessoas participantes de sessões de cinema. Mais de 1 milhão de pessoas em shows e eventos ao ar livre gratuitos. Só para começar, não vamos cutucar gente. Fabrício tem uma folha de contribuições enorme para o município. Até os críticos reconhecem.

Rinco neles disse...

Muito puxa saco esse Claudio deve ter mamado no governo. Rinco é o cara ele sim é inteligente e preparado. Lê bastante e sabe falar bem. Fabrício não fez nada. O Rinco está certo em nomear o Bellato é do mesmo nível dele. Gente que conhece a cultura