Taiadablog: Buracos assassinos por toda Caçapava !!!

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Buracos assassinos por toda Caçapava !!!

Dois buracos traiçoeiros, dentre todos os que aborrecem e colocam a vida dos motoristas em risco, atualmente estão abertos, há mais de 30 dias, sendo que desde o início os moradores dos arredores têm solicitado à Sabesp e à Prefeitura para fazer o conserto, sem que ninguém tome as devidas providências.

Os motoristas que sofrerem que sofrerem quaisquer tipo de danos em seus veículos, bem como os pedestres que eventualmente se acidentarem ao cruzarem a área destes buracos, podem e devem acionar judicialmente a prefeitura de Caçapava, bem como a Sabesp, como responsável solidária, já que os buracos em questão, existem em função de maus serviços ali prestados! Vejam os dois buracos malandors:

O primeiro, fica na Av. Vera Cruz, proximidades do número 285, sendo que este buraco tem uma especialidade própria: quebra de suspensão, amortecedores e risco de capotamento, além de outros riscos;
 

O segundo buraco, fica na Rua Marechal Deodoro, em frente à DB Brinquedos, onde as lajotas de ruas encontram-se desfeitas, provocando cortes nos pneus e até mesmo quebra de suspensão e amortecedores!
 

Também aqui, os munícipes da área solicitaram, inúmeras vezes, à Prefeitura e Sabesp para providenciarem o conserto, sem sucesso!

A cidade inteira, está esburacada e nenhuma providência é tomada! (fim de governo é isto mesmo, né?)
 
A quem devemos apelar: A Deus???

5 comentários:

jecanarquista disse...

Para consolar os moradores de Caçapava, todos à beira do seu próprio buraco, em frente à sua moradia, dedico esse poema de autoria de Durval Nunes, um literato lá da Bahia:

O poeta, ficcionista e contador de causos Durval Nunes cometeu este poemeto que tão bem definiu o que vai no coração dos barreirenses. Durval é literato com letra maiúscula e um dos maiores entendedores da grande alma do sertão baiano.

Buraco, cova, cavada, no cemitério, é jazigo;
caçapa, se na sinuca; cacimba, se no sertão;
Se for bem fundo no chão vira um poço de petróleo,
que só sobe por pressão.

Mas, se for uma cisterna serve pra matar a sede;
Se muitos e amarrados já são chamados de rede.
Se na ponta do nariz nos ajudam a respirar,
mas dos lados da cabeça servem também pra escutar.

Os dos olhos estão cegos, não nos deixam enxergar
que os furos desta urbe não são apenas no chão:
Tem buraco na Saúde, buraco na Educação,
buraco no Carnaval, buraco na Exposição…
tem buraco nos salários dos que recebem tostões,
mas, pra patota da Casa, do erário jorram milhões.
Onde a Câmara e a Justiça, o MP e o povão?
Processos engavetados na capital da Bahia
ao custo de muita grana que sai da nossa mesada:
O buraco vai ficar maior que Serra Pelada.

----------

Por falar em buracos e Caçapava, antigamente existia um buraco prá lá de conhecido e frequentado, o "Buraco da Onça".
Ficava na rua mais conhecida por Rua Mané Lopes, ou também chamada de Rua da Caixa D'água.
Não sei se ainda existe o "Buraco da Onça", um cortiço pertencente ao Sr. Mario Cego.
Mas em compensação,
existem tantos buracos
que para tapá-los,
Rinco, o prefeito eleito
terá que gastar um dinheirão!
Prefeito Vilela, que decepção!
Deixar os munícipes no meio de tantos buracos?
E na próxima eleição?
Vai mandar photoshopar as fotos das ruas no final dessa sua gestão?

Banzo disse...

Já perdi um pneu novinho num buraco na Av. da Saudade. Acionei a PM pelo prejuíso, preciso dizer o desfecho? Culpa minha!

Jc Flores disse...

Lamentável Banzo. Este é o nosso país! A lei e a ética não existem!

jecanarquista disse...

Essa piada é para alguém contar pro prefeito que já está prestes a saideira, bem como também contar para o prefeito que já está doidinho pra tomar posse:

"Em uma cidade do interior de Minas Gerais, comentava-se que 90% das mulheres já haviam traído seus maridos.

O padre local resolveu combinar com as mulheres que se confessavam, ao invés de falar que traiu o marido que falasse que caiu num buraco.

Então, passado muito tempo esse padre faleceu. O novo padre indicado para a Paróquia chegou, mas ninguém lhe contou a história.
E toda mulher que chegava lá falava que caiu num buraco.

O padre já cansado dessas confissões feitas pela mulherada, decidiu falar com o prefeito. Lá na Prefeitura, ele sugeriu ao prefeito providências para acabar com tantos buracos. E o prefeito que já sabia da historia começou a rir.

Aí, o padre, surpreso com aquele riso do prefeito, disse:
- Por que o senhor está rindo? Sua esposa já foi lá na Igreja reclamar duas vezes só nesta semana!"

marcelão disse...

pelo que o amigo jacanarquista ai comentou ,....eu ouvi falar que homi é um monte de coisas .AGORA ... chifrudo é novidade....kkk.... o Ricardão tem que ser corajoso, pois o Dragão é feio ...kkk